Ricamente ornamentado com volumoso bordado a fio de ouro, este pluvial setecentista é formado por tecido, em lhama de seda branca, recamado por túrgida decoração barroca, de grandes e estilizados motivos foliáceos e pequenas flores. Nas extremidades dos sebastos foram aplicados brasões episcopais em relevo, não identificados, que ostentam ainda as armas dos crúzios conimbricenses.